quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Caminhando na chuva


Meus passeios descobrem um mundo novo de possibilidades e sensações.
Sublime! É a noite que bebe o outono com chuviscos.
Andando em direção à luz de cidades inundadas e distantes, o caminho da chuva que o meu olhar traduz em trilhas de saudade, me convida e acaricia.
Vivo mil vidas em minha imaginação : - Enredos, cenários escondidos e figuras fantasmagóricas que me acompanham.
Banhos longos não lavam a alma, mas me lembram que eu ainda estou vivo...
Então, espero, não desespero.
Sigo suave e displicente, como o silêncio que há entre duas rosas que se olham.



Luciano Martini

2 comentários:

Canteiro Pessoal disse...

Luciano. Seu escritos estão tão profundos e penetram lá no fundo do meu ser e é arrancada a primeira camada da minha pele por uma nova. É impossível conter os sentidos e o não pensar e absorver tudo por aqui que leio com frequência. Aprendo em dosagens à medida certa para cada dia neste palco chamado vida. Obrigada por letras que exprimem riquezas e paz ao coração.

Fica na paz

Priscila Cáliga

Danilo Fernandes disse...

Ola Luciano!


Queria convidar você para conhecer o meu blog, o Genizah que horas é pirado e engraçado, horas é exaltado e sério, mas é super do bem e tem como regra levar o Evangelho da Liberdade Verdadeira e a Santa Subversão de Jesus ao mundo egocêntrico e perdido nos seus valores! E, ainda dando tempo, aproveito para tirar uma onda com este pessoal que anda explorando a fé das pessoas e ainda dizendo que são cristãos... Ops!

Por minha vez, já me tornei seu seguidor.

Abraços em Cristo e Paz!

Danilo

http://www.genizahvirtual.com/