segunda-feira, 18 de julho de 2011

Inverno Úmido


A garoa da tarde umedece os meus passos
sobre a luz plúmbea da rua distraída
Meu olhar pende para o infinito
enquanto a desconhecida de rosto triste
recolhe sonhos e roupas de um varal


Luciano Martini

Um comentário:

Alê disse...

Adoro chuva,

Super nostálgicas suas palavras,


Um beijo